quarta-feira, 23 de janeiro de 2008

Um gesto de carinho


"As vezes passamos dias ou semanas inteiras sem receber nenhum gesto de carinho do próximo .Saõ períodos difíceis, quando o calor humano desaparece a vida resume a um árduo esforço de sobrevivência.

Diz o mestre:
Devemos examinar a nossa própria lareira .Devemos colocar mais lenha e tentar iluminar a sala escura na qual a nossa vida se tranformou .Quando ouvimos o nosso fogo a crepitar , a madeira que estala , as histórias que as labaredascontam , a esperança ser-nos -á devolvida .
Se somos capazes de amar , também seremos capazes de semos amados.
É apenas uma questão de tempo"

Texto retirado po livro Maktub de Paulo Coelho

Um comentário:

Borboleta disse...

olá, antes demais quero dizer-te que concordo plenamente com o que escerves-te aqui. Na minha opinião acho que mesmo assim , devemos Amar sem esperar nada em troca...só assim conseguirás sentir o que é ser amada de verdade.
Bom fim de semana
Beijinho*